Tutorial | Maquiagem nada!

  • Categorias: Beleza, Maquiagem, tutorial, Vídeo
  • 29 out

    maquiagem-nada-tutorial-pequena-pinup

    Olá, pinups! Hoje temos um vídeo com uma maquiagem simples, natural, e para qualquer ocasião! Muitas outras blogueiras/vlogueiras já fizeram vídeos mostrando como fazer uma maquiagem nada (=aparência de não estar maquiada).. Apesar de que eu já fiz um vídeo (veja aqui) de como fazer uma make mega-hiper natural, decidi fazer uma que não é tão transparente, digamos. Confira no vídeo:

    Lista de Produtos:

    Pele
    Base Líquida da O Boticário Intense (resenha)
    Corretivo líquido da Make B da O boticário – cor bege nude (resenha)
    Pó compacto (usado como pó) da Marchetti – cor 10
    Pó compacto (usado como contorno) da MaxLove – cor 4

    Olhos
    Paleta 88 warm (usado para sombra e sobrancelha)
    Rímel The Colossal (resenha)
    Lápis branco  (usado para iluminar) da Luisance
    Lápis preto da Natura Aquarela – cor preto

    Boca
    Batom da Venas – Cor 13

    Pincéis
    Kit de 22 Pincéis Rosas da Flor de Menina (encontre aqui)
    Pincel DuoFibra da Quem Disse Berenice (mais aqui)

     

    Nada como uma bela maquiagem para realçar a beleza natural, sem aparentar que você está usando. Espero que vocês tenham gostado, um beijão no core de todas(os) e até a próxima! :)

    ps: Vídeo – Maquiagem sem maquiagem (veja aqui)

    Você prefere maquiagem natural ou dramática?

    Edição de Fotos Online

  • Categorias: Blog, Fotografia, Resenha
  • 28 out

    Olá! Hoje trago para vocês um site muito bacana para editar suas fotos online! Se você não sabe usar programas de edição, não tem eles instalados no seu computador ou simplesmente quer algo muito mais rápido, vale dar uma olhada nesse site: o PicMonkey

    picmonkey-resenha-tutorial-pequena-pinup

    Ele tem uma interface bem simples e intuitiva, totalmente prático. Dá para cortar, colocar texto, fazer colagens, colocar efeitos prontos, molduras, fazer sobreposição de fotos para dar aquele efeito de dupla exposição, maquiagem digital e até design de artes!

    picmonkey-resenha-tutorial-pequena-pinup

    picmonkey-resenha-tutorial-pequena-pinup

    picmonkey-resenha-tutorial-pequena-pinup

    picmonkey-resenha-tutorial-pequena-pinup

    Obviamente que como nem tudo são flores, algumas funções só estão disponíveis para a versão paga. Mas isso não faz grande diferença pois as ferramentas grátis já são bastante úteis!

    É isso pessoal, espero que vocês gostem do site e se aventurem por lá para criar o que vier a cabeça!
    Até a vista!

     

    sabrina-brun-colaboradora-blog-pequena-pinupEscrito por: Sabrina Brun

    Teste de Simetria

  • Categorias: Beleza, Fotografia, Pessoal
  • 24 out

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    Olá, pinups!! Um tempo atrás eu vi um post que me chamou muito atenção.. A Ana do Moda Custom testou fotografias de si mesma para analisar sua simetria (veja aqui). Muitos dizem que simetria tem relação direta com a perfeição. Creio eu que nós mulheres sofremos muito com essa ideia de que necessitamos buscar essa tal perfeição.

    Decidi fazer o teste, apesar de já saber que meu rosto é bem assimétrico, e como qualquer pessoa, eu tenho preferência por um dos lados. Tanto que desde sempre fotografei mais com esse perfil do que com o outro..

    Confiram as fotos (Coloquei a foto original em cima e as duas simétricas embaixo.):

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

     

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    teste-de-simetria-fotos-pequena-pinup

    (zueira) 

    O que acharam? Eu achei bem interessante ver as diferenças, e o mais importante: notar que a assimetria é muito melhor para a maioria dos casos. Eu ainda estou em processo de aprender a me amar 100% como sou, não é uma tarefa fácil, se você é mulher, deve me entender! Por algum motivo é tão mais tranquilo gostar dos defeitos dos outros, mas quando se trata de nós mesmos.. Mas posso dizer que estou cada vez mais me aceitando e gostando dos meus “defeitinhos”.

    No geral foi bem divertido ver o resultado, se alguém aí tentar, me mande o link nos comentários! Mas por hoje é isso, espero que vocês tenham gostado desse post um pouco diferente! Um beijo e até a próxima! :)

    Simetria é beleza, para vocês?

    O estilo de Londres dos anos 50 aos anos 70

  • Categorias: Entretenimento, Moda, Pinup
  • 23 out

    laryssa-marianoLaryssa Mariano trocou as montanhas de Minas pela névoa londrina e hoje trabalha com moda desbravando a megalópole fashion.

    Não tem como argumentar: Londres é, sem dúvida, uma capital mundial da moda. Celeiro de estilistas revolucionários como Vivienne Westwood e Alexander McQueen, a megalópole inglesa é referência de autenticidade e street style. Diferente de outros polos como Nova Iorque, Paris e Milão, Londres não gira em torno do luxo: sua moda se faz nas ruas, nos brechós, nos mercados e nas grandes redes de fast fashion, com preços acessíveis e araras que mudam quase que diariamente, como a da gigante Topshop. Tem mais a ver com estilo do que com tendências.

    Não é que você nunca vá encontrar uma típica inglesa usando uma bolsa Chanel ou um casaco Dior, mas dificilmente ela vai estar vestida de grifes dos pés à cabeça e provavelmente o luxo vai estar misturado com peças vintage e itens que a maioria das brasileiras consideraria ousados. Em 1983, o produtor musical Malcolm McLaren disse, em tom de brincadeira, que “Os britânicos se consideram acima da moda. Se você quer criar roupas interessantes você tem que costurá-las no seu quarto e vendê-las em uma barraquinha na feira”.

    Com tanta criatividade correndo nas veias, é natural que Londres seja fonte de inspiração para diversos estilistas ao redor do mundo, que sempre se voltam para as ruas da cidade (de hoje e do passado) na hora de criar suas coleções. E, se os estilistas podem, por que não nos inspiramos também? Confira o estilo de Londres ao longo de 3 das décadas mais interessantes da moda!

    The 50’s – Retorno à feminilidade

    Ícone: Audrey Hepburn

    Peças-chave: Saias lápis e rodada (com a cintura bem marcada) / Vestidos saco (sack) e justos (sheath) / Silhueta Império / Cintos largos, luvas e chapéus

    Os anos 50 foram marcantes e viram uma mudança de paradigma no guarda-roupas das mulheres (e dos homens também) depois que a Dior lançou seu New Look em 1947. Saindo dos anos de guerra e da necessidade de roupas utilitárias, duradouras e baratas, as mulheres queriam ser femininas mais uma vez. Estilistas como Balenciaga, Laroche e Givenchy (que fez o clássico vestidinho preto usado por Audrey Hepburn em Bonequinha de Luxo) eram reis dessa era.

    50s -Lisa_Fonssagrives_at_Paddington_Station,_London,_1951

    Lisa Fonssagrives usa terninho com saia lapis e jaqueta peplum na Paddington Station em Londres, 1951 – Fotografia: Toni Frissell

    Já os adolescentes, que começavam a ser chamados de teenagers pela primeira vez, ensaiavam a revolução sexual e política que viria nos anos 60 em grupos como os Teddy Boys e Teddy Girls, que eram, vamos dizer assim, os hipsters originais! Nessa sub-cultura londrina, os jovens, que usavam jaquetas inspiradas no período Eduardiano e calças deliberadamente encurtadas, são considerados os “primeiros delinquentes”.

    50s-montagem-teddy-girls

    Teddy Girls

    Hoje em dia, podemos ver ecos dos anos 50 no estilo da primeira-dama americana, Michelle Obama, e da Duquesa de Cambridge, Kate Middleton, que investem pesado nos sheath dresses, aqueles vestidos justos (mas estruturados), na altura do joelho. Outra peça dessa época que anda dando as caras é a saia midi, rodada, febre entre as blogueiras recentemente.

    50s-montagem-michelle-obama-kate-middleton

    Michelle Obama e Kate Middleton usando sheath dresses

    Swinging 60’s – Londres capital do “Cool”

    Ícones: Twiggy, Jane Birkin e Jean Shrimpton

    Peças-chave:  Minissaia / Vestido reto / Referências psicodélicas e futurísticas / Estampas ousadas / Materiais diferentes como PVC, sintéticos, transparências e aplicações

    60s-lswinging-london-carnaby-street

    Jovens na Carnaby Street – Swinging London

    As tendências que surgiram nos anos 60 são muito conhecidas por sua influência duradoura na moda. Uma revolução cultural estava começando e Londres foi a cidade que melhor encarnou o espírito da época. Os jovens usavam as roupas como forma de expressão, abusando da liberdade e do dinheiro que tinham pela primeira vez depois dos anos difíceis do pós-guerra.

    Durante a década de 60, Londres foi a capital do “cool”, título recebido quando a revista americana Time dedicou uma edição inteira para a capital inglesa em 1966, chamada “London: the Swinging City” (algo como Londres: a Cidade do Remelexo – haha). De repente o local passou a ser sinônimo de tudo o que era legal e fashion. Era o lugar em que as pessoas se sentiam livres para usar roupas e acessórios mais experimentais, inspiradas pela música e pelas mudanças no estilo de vida da época.

    twiggy-biba-60sTwiggy na badaladíssima Biba

    Do renascimento do Art Deco com a famosíssima loja Biba (que virou sucesso absoluto ao fazer roupas baratas para o público jovem – novidade na época) à British Invasion, que levou bandas como o BeatlesRolling StonesThe Kinks e The Who para os Estados Unidos e o resto do mundo, passando pelo rock psicodélico do Pink Floyd e pelas minissaias da estilista Mary Quant, Londres pulsava!

    Essas fotos de “street style” da época comprovam o hype:

    60s-streetstyle

    60s-streetstyle-2

    60s-street-style-2

    60s-london-street-style

    Pra ter um gostinho, uma ótima pedida é assistir Blowup, clássico de Michelangelo Antonioni sobre um fotógrafo de moda (inspirado em David Bailey) que acredita ter testemunhado um assassinato. O filme tem a participação das principais modelos da época e mostra os bastidores do mundo fashion dos anos 60.

    60s-montagem-​Jane-Birkin-Twiggy- Jean Shrimpton

    Jane Birkin, Twiggy e Jean Shrimpton

    The 70’s – Mix de tendências

    Ícones: Bianca Jagger, Olivia Newton-John, Vivienne Westwood e David Bowie

    Peças-chave: Macacões / Estampas florais e de inspiração oriental / Looks punk / Maxi saias / Batas / Calças boca de sino / Mini shorts / Tecidos com textura como renda, patchwork, franjas e tricô

    70s-montagem

    O designer de sapatos Manolo Blahnik elegeu as décadas de 60 e 70 como as mais estilosas de Londres, e recomendou o filme “Performance” (1970), estrelado por Mick Jagger, como retrato fiel da época. Dá pra ver nesse mini documentário:

    http://youtu.be/fikZwrIOpyQ

    Os anos 70 foram uma “mistureba”, indo do folk ao disco passando pelo punk. A influência disco aparecia nas calças de lycra, nos shorts justíssimos e e calças boca de sino. Já o folk, uma espécie de evolução do estilo hippie, dava as caras com saiões, batas, e formas mais soltas, carregadas de estampas e referências étnicas. Já o punk ficou à cargo de Vivienne Westwood, fazendo a ponte entre a música e a moda, com muito couro, tachinhas e correntes. David Bowie também foi uma grande influência vinda da música, com seu estilo glam rock bastante excêntrico.

    70s-montagem-vivienne-westwood

    Vivienne Westwood

    70s-David-Bowie

    David Bowie arrasando no cabelo vermelho e jaqueta listrada

    No próximo post é a vez das décadas de 80 e 90 e os complicados anos 2000!

     

    E você, qual desses períodos te influencia mais?

    Compras de Livros!!

  • Categorias: Compras, Entretenimento, Pessoal, Vídeo
  • 22 out

    vídeo-compras-livros-pequena-pinup

    Olá, pinups! Hoje temos algo diferente, um vídeo de compras, mas dessa vez são Livros!! Faz tempo que não faço compra de livros, então me permiti a extrapolar e comprar vários.

     

    Livros:

    Coleção O Guia do Mochileiro das Galáxias – Edição Econômica (5 Volumes): Encontre aqui

    Um Sorriso ou dois – Para mulheres que querem mais: Encontre aqui

    Eleanor & Park: Encontre aqui

    O Teorema Katherina: Encontre aqui

    Perdendo-me: Encontre aqui

    Se eu Ficar: Encontre aqui

     

    Espero que tenha ajudado de alguma forma, para quem precisa de novas leituras e indicações de livros, ou saber um pouco mais sobre meu gosto literário! Um beijo para vocês e até a próxima! :)

     

    ps: Post 5 Livros que marcaram minha vida, aqui

    ps: acompanhe minhas leituras pelo Skoob, aqui

    Quais livros você me recomenda?

    Página 1 de 4212345...102030...Última »